Os equipamentos são desenvolvidos buscando uma proteção especial para cada tipo de função exercida, avaliando também o nível de exposição aos riscos de cada atividade. Os calçados de segurança são itens necessários para garantir a minimização destes riscos, sendo disponibilizados no mercado com grande variação de modelos, os quais possuem solados monodensidade ou bidensidade.

Na produção dos calçados com monodensidade é realizada apenas uma injeção de poliuretano, ou seja, o calçado é formado por apenas uma peça ou camada.

Nos calçados com bidensidade são realizadas duas injeções: uma compacta, sendo a parte que tem contato direto com o solo, e a outra entre a sola mais maleável, que proporcionará mais conforto ao usuário e durabilidade ao calçado, pois é projetada para absorver impacto.

Usualmente os calçados de segurança possuem solado de poliuretano, mas para atividades que envolvem alta temperatura o recomendado é o uso de solados de borracha nitrílica ou em fibra de carbono.

Achou útil essa informação? Compartilhe com seus amigos! 😉